Biocombustíveis

Capital da Suécia vai receber 85 ônibus brasileiros movidos a etanol

Friday, 25 de June de 2010

Capital da Suécia vai receber 85 ônibus brasileiros movidos a etanol

A cidade de Estocolmo, capital da Suécia, vai receber em agosto 85 novos ônibus movidos a etanol para integrar sua frota de transporte público, que já é a maior do mundo, reunindo 600 veículos desse tipo. São ônibus fabricados pela montadora sueca Scania, iguais aos dois ônibus que já circulam em São Paulo desde 2007 dentro do Projeto BEST - Bio Ethanol Sustainable Transport, ou Etanol para o Transporte Sustentável, que tem apoio da União da Indústria de Cana-de-Açúcar (Unica).
Para o consultor de tecnologia e emissões da Unica, Alfred Szwarc, o exemplo de transporte público sustentável da Suécia tem tudo para ser adotado amplamente também no Brasil. "A perspectiva de incorporação de 200 desses ônibus na cidade de São Paulo foi levantada pelo prefeito Gilberto Kassab quando o segundo ônibus desse tipo foi lançado em novembro de 2009, e esperamos que a novidade seja anunciada em breve. É oportuno lembrar a maior parte do etanol consumido na Suécia é importado do Brasil", comentou.
Szwarc frisou ainda que o avanço do ônibus a etanol na Suécia é algo muito significativo, pois o país é conhecido mundialmente por suas posições e ações favoráveis à preservação ambiental. "A decisão da empresa gestora de transportes urbanos de Estocolmo, de continuar a investir nos ônibus movidos a etanol, agora em sua versão tecnologicamente mais avançada, é uma prova desse compromisso", afirmou.
Swarc lembra que a maior parte da tecnologia e aprimoramento do ônibus a etanol é fruto de trabalho realizado no Brasil. O ônibus "verde" tem como característica emissões extremamente baixas de poluentes, em função do uso de um combustível renovável e de baixo carbono.

Agência Investimentos e Notícias



Marcadores: cana-de-açúcar, cana, etanol, biocombustíveis, Suécia