Biocombustíveis

Biodiesel terá Frente Parlamentar

Friday, 21 de October de 2011

Biodiesel terá Frente Parlamentar

O segmento responsável pela produção de biodiesel terá representação no Congresso Nacional. Representantes do Sindicato das Indústrias de Biodiesel no Estado de Mato Grosso (SindiBio) lançam nesta quarta-feira, 19 de outubro, em Brasília a Frente Parlamentar do Biodiesel.

Goergen destaca que foram colhidas mais de 200 assinaturas, superando as 170 necessárias para criação.
"Precisamos avançar rumo ao crescimento sustentável", diz o parlamentar gaúcho.
De acordo com o secretário do SindBio, Rodrigo Guerra, o objetivo é a defesa nacional do setor de biodiesel. Segundo ele, uma das principais metas da Frente Parlamentar é estabelecer políticas de incentivo ao setor. O objetivo principal será construir o marco regulatório do setor.

"Precisamos criar sistemas de comércio diferenciado e aumentar a mistura de biodiesel no diesel, que hoje está em 5%", destacou Guerra.

O novo bloco contará com 260 parlamentares na Câmara e no Senado. A presidência da Frente Parlamentar ficará com o deputado federal Jerônimo Goergen (PP/RS) e a vice-presidência com o senador Delcídio Amaral (PT/MS).

Jaime Campos (DEM), Blairo Maggi (PR) e Pedro Taques (PDT) além dos oito deputados federais mato-grossenses, entre eles Homero Pereira e Roberto Dorner (PSD), Neri Geller (PP), Júlio Campos (DEM), Wellington Fagundes (PR), Carlos Bezerra (PMDB), Valtenir Pereira (PSB) e Nilson Leitão (PSDB) aderiram ao bloco.



Marcadores: biocombustíveis, biodiesel, pinhão manso, jatropha, cana-de-açucar, canola, soja, palma, algas, renováveis